Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

República do Caústico

Pulling the plug and fullfilling dreams

21.11.11, João Maria Condeixa

 

Onde é que se puxa a tomada a um blogue? Onde é que ele está ligado para o eutanasiarmos?

 

Tem sido esta a pergunta insistente que tenho feito à cobarde atitude de manter algo que não é actualizado e que já só serve para acumular pó.

Tem sido difícil encontrar 10 minutos que seja para passar por aqui. Hoje leio mais do que escrevo. Mas tem sido mais difícil arranjar a vontade. E os blogues vivem dessa atitude voluntária - do latim "volunta", vontade - que cada autor dispensa para que a coisa se vá mantendo viva. Ora a minha vontade advém da necessidade de fazer algo diferente daquilo que me ocupa os dias. E se os meus dias estão ocupados com o que aqui me trazia, então há que encontrar um outro escape, a bem da sanidade mental. Acho que é a isso que chamam hobby.

 

Os meus hobbies são sempre uma espécie de algo que quero fazer quando for grande: mantêm-me por isso imberbe e sonhador q.b. mas também por isso me roubam muito tempo.

Manter um blogue sozinho é difícil. Mantê-lo por obrigação é penoso. A República do Cáustico entra assim num período de suspensão. Até que um dia destes haja mais fôlego.

 

Por agora vou ali ver o que há para pintar. Um dia vou ser pintor!

 

PS - faço-o no dia seguinte ao PSOE perder as eleições em Espanha, o que deixa alguns a vaticinar sobre o fim do modelo socialista. Desenganem-se. Não julguem que o socialismo deixou de ter fãs. Apenas deixou de ter fundos para os poder iludir..

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.