Domingo, 21 de Novembro de 2010
por João Maria Condeixa, em 21/11/10

 

Fui ontem à manif do PCP Anti-NATO na esperança de ganhar um World Press Photo Award baseado naquela ideia de Robert Capa "if a picture is not good enough, you weren't close enough", o que demonstra muito da minha qualidade enquanto fotógrafo que vive à espera que lhe apareça um morteiro à frente da objectiva, já que não tem técnica para mais. Mas não tive essa sorte.

 

Portugal não é capaz de atrair investimento estrangeiro, nem arruaceiros de outras paragens - simplesmente não há quem nos ligue! - pelo que me vi obrigado a fotografar a escassa "prata da casa": quase vinte e dois anarquistas e meio que não se pouparam em trajes e pinturas, mas que, alérgicos a bastonadas na espinha, jamais tentaram a "desobediência civil" que treinam nus diariamente frente ao espelho à saída do banho. Uns meninos, portanto, que hipotecaram o meu prémio.

 

E o pior é que para além deles não havia mais ninguém. Tirando aquela malta de esquerda que parecendo os marchantes de Santo António em dia de ensaio geral, se manifestavam contra tudo e contra todos usando a NATO como artificio. Havia-os para todos os gostos: manifestantes contra touradas que a NATO patrocina, seres estéricos que, avenida acima, avenida abaixo, culpabilizavam a NATO pela cauda cor-de-rosa que lhes saía das calças, mulheres contra o tráfico de outras mulheres, que como é sabido, mundialmente, é culpa directa da NATO. E sindicatos, muitos sindicatos da CGTP, que apelavam à greve geral, presumo eu, contra a NATO, essa instituição capitalista de má índole e mais-não-sei-o-quê que a constituição não permite.

 

E todos eles gritavam palavras de ordem com imenso sentido. Provas? Deixo-vos a fotografia lá em cima. Todos nós sabemos que se não fosse pela guerra, o Sul de Portugal, nomeadamente o Algarve, tinha todas as condições para o Turismo. Valha-nos sindicatos destes que não dormem um segundo que seja e que lutam tanto por nós! Um dia Albufeira viverá em paz, reerguer-se-á dos escombros e os portugueses poderão vendê-la aos ingleses.

 

Depois de ontem fiquei com a certeza que há figurantes profissionais que vão ao programa do Goucha e depois há estes.


publicado por João Maria Condeixa às 13:57
link do post | Please be gentle

5 comentários:
De Beijokense a 23 de Novembro de 2010 às 11:12
Tomei a liberdade de usar esta fotografia num post (http://beijokense.blogspot.com/2010/11/sem-paz-nao-ha-turismo.html). Fi-lo em paz.
Saudações beijokenses.


De João Maria Condeixa a 23 de Novembro de 2010 às 11:42
E fez muito bem. Agradeço a referência!


De tv a 24 de Novembro de 2010 às 23:06
Vi na televisão que a greve geral registou grande adesão, segundo os sindicatos. Já o Governo desvaloriza os números, situando a adesão nos 18%. Mais uma vez as conclusões divergem.


De Constança a 26 de Novembro de 2010 às 04:17
opá João...
tanta coisa dita como deve de ser, com ironia na dose certa, verdades bem descritas, um retrato dos sindicatos e o descabido aproveitamento para tudo ser mau e desvalorizado! Parabéns por isso.

só que aquele comentário das bastonadas e dos meninos estragou tudo...
e pq vivemos num País, vá lá, democrático.., sinto-me à vontade para dizer - estiveste MUITO mal.. queres bastonadas? dá tu o coiro!!! já que fazes tudo por uma fotografia!!!
e não eram 22.. tira essa ideia preconcebida de que os anarquistas são os de cristas-picos-e garrafões de vinho, e hás de conseguir ver mais alguns..

abre só mais um bocadinho a pestana. pq de resto.. estás lá!

tudo de bom!
Constança



De João Maria Condeixa a 26 de Novembro de 2010 às 23:34
Constança,
eu não quero bastonadas. Não as gosto de levar, nem tenho especial gosto em ver alguém levá-las. Só que há uns artistas de circo que se dizem anarcas - e aí assumo que fui redutor, pois há mais para além dos meninos dos picos, e que nem alinham nestas actividades circenses de vandalizar o que os rodeia - que tinham prometido um espectáculo e afinal não cumpriram. E eu, que faço tudo por uma foto :) não gostei!

Mas obrigado, Constança..


Comentar post

Real Constituição da República do Cáustico
Leia atentamente este folheto antes de tomar a constituição como sua.
Caso tenha dúvidas, consulte o seu médico, farmacêutico ou constitucionalista de família.
Em caso de emergência:
jcondeixa@hotmail.com
Posts recentes

Pulling the plug and full...

OE2012: do corte na despe...

Curto rescaldo da Madeira

Na Madeira

O fetiche do voto do betã...

A 18 cêntimos a acção (3)

A 18 cêntimos a acção (2)

A 18 cêntimos a acção

Em entrevista comparada

Alguém me explica este li...

Últimos comentários
Hmmm é pena que o blog tenha acabado :(
quanto mais a deleora só isto era um poste da edp ...
Cambada de antropomorfistas d'electrõesJá agora eu...
Durante uns bons anos - 5 pelo menos - tb fui ague...
Eutanasiar um blogue...eu sei o que custa manter u...
entrapolítico privado num tem né?Mas se todo o hom...
Oi muito thanx! amei re-ler essa publicação é engr...
é que não apanham pó....a desvantagem é que desapa...
mais comentados
Diário da República
2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


Temas

todas as tags

subscrever feeds