Sábado, 27 de Fevereiro de 2010
por João Maria Condeixa, em 27/2/10

José Sócrates vai estrear a figura de chefe de governo numa comissão de inquérito, que a bem de um esclarecimento cabal, é bom que seja feita presencialmente e não escudada em prerrogativas a que o direito lhe assiste, mas que à política e à confiança pouco respondem.

José Sócrates é acusado de ter cometido um crime político, pelo que o seu tribunal é aquele, antes ainda do das urnas. Esse julga o partido e as ideias e não o Primeiro-Ministro e a sua credibilidade.

 

Mas, voltando à estreia, José Sócrates, não pode ganhar o óscar para melhor actor e tem de despir a personagem de vítima de cabala para responder claramente a cada uma das perguntas. Se quiser pode até partir para o contra-ataque. Já sei que o vão chamar de arrogante e prepotente caso o faça, mas se for essa a única forma de o ver trazer à tona provas de que tudo isto não passa de uma farsa, pois então que o seja e que o faça.

Portugal está cansado dos "porque sim" e simples "estou inocente" e tem direito a perceber se José Sócrates é a face oculta do caso PT/TVI.

 

 


publicado por João Maria Condeixa às 15:10
link do post | Please be gentle

4 comentários:
De francisco da costa a 27 de Fevereiro de 2010 às 21:11
E não se lembraram disto nos tempos da "Modernaça"?


De João Maria Condeixa a 27 de Fevereiro de 2010 às 21:35
JS vai ser ouvido por um "crime" político. A Moderna de político não teve nada, pelo que é de outras instâncias. Além de que estava relacionado com os recibos passados e nunca PP foi constituído arguido. Por isso tb para outras instâncias deixo, e não comento, o caso Freeport, o licenciamento da Cova da Beira, a Independente, a casa da mãe, os projectos aprovados pela Beira Interior, etc..Não confudi as coisas e nunca comentei nada disto. Pertence à justiça


De francisco da costa a 27 de Fevereiro de 2010 às 22:26
Catano João, crime político. Isso só em Cuba, na China ou na Coreia do Norte. Atentado contra o Estado de Direito não é crime político, é crime. E é disso que a oposição anda a falar. Mas o que ela não diz é o que acabas de dizer: crime "político". Pois é. A Moderna pareceu-me uma vendeta política como me parece esta brincadeira com as escutas. O que te deve preocupar João é que ninguém vai sair daqui incólume. Essa é que é essa.


De João Maria Condeixa a 28 de Fevereiro de 2010 às 01:22
"crime político" no sentido em que, provando-se a sua responsabilidade sobre o caso PT/TVI, lesou ou tentou lesar o sistema político em si mesmo. As aspas servem para não cairmos em confusões com os exemplos dados por ti. Se ninguém sair daqui incólume, pois que não saia.Não me preocupa. Antes espantar-me-ia, mas se assim fosse, seria de facto preferível arrumar a casa toda!


Comentar post

Real Constituição da República do Cáustico
Leia atentamente este folheto antes de tomar a constituição como sua.
Caso tenha dúvidas, consulte o seu médico, farmacêutico ou constitucionalista de família.
Em caso de emergência:
jcondeixa@hotmail.com
Posts recentes

Pulling the plug and full...

OE2012: do corte na despe...

Curto rescaldo da Madeira

Na Madeira

O fetiche do voto do betã...

A 18 cêntimos a acção (3)

A 18 cêntimos a acção (2)

A 18 cêntimos a acção

Em entrevista comparada

Alguém me explica este li...

Últimos comentários
Hmmm é pena que o blog tenha acabado :(
quanto mais a deleora só isto era um poste da edp ...
Cambada de antropomorfistas d'electrõesJá agora eu...
Durante uns bons anos - 5 pelo menos - tb fui ague...
Eutanasiar um blogue...eu sei o que custa manter u...
entrapolítico privado num tem né?Mas se todo o hom...
Oi muito thanx! amei re-ler essa publicação é engr...
é que não apanham pó....a desvantagem é que desapa...
mais comentados
Diário da República
2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


Temas

todas as tags

subscrever feeds