Quarta-feira, 9 de Março de 2011
por João Maria Condeixa, em 9/3/11

 O país está boquiaberto com o discurso duro de Cavaco Silva. Acho até que se o senhor tivesse feito uma página do mesmo, no facebook, teria mais "likes" que a sua página pessoal. Ele bem tinha chamado a atenção que a partir de agora seria diferente, mas pelos vistos os incrédulos - aqueles que estiveram, como eu, 5 anos a vê-lo assistir de camarote, de braços cruzados, ao enterro do país - não quiseram acreditar que faria tal coisa. Ou pelo menos não assim tão de repente.

 

Foi vê-lo, num misto de aula de finanças e programa de governo, a enterrar o sorriso a Sócrates ao dizer que o comboiozinho de brinquedo dele iria hipotecar o país. Que não havia guita para lho comprar e que o emprego que ele teima em dizer que irá gerar, se evaporará no segundo a seguir. Que o contribuinte não é uma teta sem fundo e que no seu limite - ao contrário do que os boys todos pensam - mora a morte da economia de um país. Que o flagelo do desemprego deverá ser combatido privilegiando políticas que potenciem as empresas - fascista! berrou o PC -, e com iniciativas que criem emprego ou permitam defender postos de trabalho. Que a mentira - acho que Sócrates nunca teve as orelhas tão quentes - tem os dias contados e que há que tomar as opções correctas - ao que o executivo perguntou em uníssono para si como se faria tal coisa -.

 

De lamentar nesta tarde histórica, só mesmo o facto de não ter acontecido mais cedo e de ter sido guardada, como é apanágio calculista de Cavaco, para o momento político que mais lhe convém e em que a sua liberdade não lhe hipoteca o futuro.

 

Para nota vinte fica a imagem ao sair da sala, daqueles alunos socialistas, cabisbaixos e enraivecidos, que, sem terem levado boas notas para casa encheram as câmaras de televisão com perdigotos insultuosos ou anedóticos. Até Carlos César apelidou de "demasiado cruel" o discurso do PR. Coitado, logo ele!

 

Em suma, foi óptimo. O país precisava deste abanão e se não se importam vou para ali rezar por mais. Se ficarem atentos, os mercados amanhã vão reagir bem à coisa, vos garanto...


publicado por João Maria Condeixa às 22:26
link do post | Please be gentle

5 comentários:
De FAZ SI ZÓIDE? a 10 de Março de 2011 às 01:38
E O TAL discurso traz o quê?

abanão da consciência do presidente inconsciente?

só acordou passados 5 anos

com abanões destes


De João Maria Condeixa a 10 de Março de 2011 às 18:38
Se reparar, tive o cuidado de referir que peca por atrasado. 5 anos, concordo. Mas que marcou um ponto de viragem, isso marcou. É esperar...


De Vitor Correia de Azevedo a 10 de Março de 2011 às 09:51
Há que reconhecer que Cavaco Silva esteve bem! Faltava, ao país, esta "luz ao fundo do túnel". E mesmo sabendo que qualquer governo não actuaria de maneira muito diferente, é necessário que a esperança volte aos portugueses. É necessário mudar os actores, mesmo que a peça ( neste caso , o drama) seja a mesma.


De Luís a 10 de Março de 2011 às 19:26
Boa posta João Maria...


De eazb a 11 de Março de 2011 às 09:44
"Cavaco Red BULL", bebe e fica sobressaltado! ;)
Já agora esperemos que dê asas ao Sócrates, o mais rápido possível!


Comentar post

Real Constituição da República do Cáustico
Leia atentamente este folheto antes de tomar a constituição como sua.
Caso tenha dúvidas, consulte o seu médico, farmacêutico ou constitucionalista de família.
Em caso de emergência:
jcondeixa@hotmail.com
Posts recentes

Pulling the plug and full...

OE2012: do corte na despe...

Curto rescaldo da Madeira

Na Madeira

O fetiche do voto do betã...

A 18 cêntimos a acção (3)

A 18 cêntimos a acção (2)

A 18 cêntimos a acção

Em entrevista comparada

Alguém me explica este li...

Últimos comentários
Hmmm é pena que o blog tenha acabado :(
quanto mais a deleora só isto era um poste da edp ...
Cambada de antropomorfistas d'electrõesJá agora eu...
Durante uns bons anos - 5 pelo menos - tb fui ague...
Eutanasiar um blogue...eu sei o que custa manter u...
entrapolítico privado num tem né?Mas se todo o hom...
Oi muito thanx! amei re-ler essa publicação é engr...
é que não apanham pó....a desvantagem é que desapa...
mais comentados
Diário da República
2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


Temas

todas as tags

subscrever feeds